41 Em Lançamentos & Novidades

Risqué Sustentabilidade em Nome da Moda

Achei muito bacana essa nova ação de Risqué! A marca instalou na unidade da Ikesaki Liberdade/SP um coletor de esmaltes, ou seja, ao invés de você jogar no lixo comum e contribuir para um mundo mais sujo é só você colocar no coletor que os esmaltes usados ou vidrinhos velhos irão para o lugar certo 🙂 O projeto “Risqué Sustentabilidade em Nome da Moda” tem estimativa, na fase de implantação do projeto, de cerca de 150 kg de embalagens de esmaltes coletadas por mês.

coletor-esmaltes-risque

Risqué desenvolveu um sistema para a coleta e o descarte de embalagens pós consumo de esmaltes: coletores em formato dos tradicionais vidrinhos da marca, com capacidade para 750  embalagens cada. “O descarte adequado dos vidrinhos de esmaltes proporcionará benefícios ambientais importantes. O material recolhido será coprocessado e transformado em fonte de energia para a indústria de cimento, reduzindo o impacto ambiental causado pelo uso de aterros sanitários”, afirma Patricia Peters, Diretora de Qualidade, Meio Ambiente e Assuntos Regulatórios Divisão Consumo da Hypermarcas, detentora da marca Risqué.

1sustentabilidade-em-nome-da-moda-risque

RELEASE OFICIAL DA MARCA

Confesso que várias vezes acumulo vidrinhos e esmaltes velhos aqui em cada na dúvida de onde jogar. Eu acho que deveria ter um coletor desse em toda cidade, em cada perfumaria! #sonho

Por enquanto, só tem um ainda por aqui em SP – fica na Ikesaki da Liberdade!

Comments

comments

Você também poderá gostar de

  • Bruna Alves
    30 de janeiro de 2013 at 14:39

    Super bacana!
    E acho que também poderia haver um local onde pudéssemos trocar esmaltes usados! Várias vezes comprei esmaltes que não eram exatamente da cor ou efeito que eu desejava, e acaba usando no máximo duas vezes. Poderia ser até um encontro de quem gosta de esmaltes onde trocássemos cores, técnicas e truques 😉

    • fernanda
      30 de janeiro de 2013 at 17:03

      Super apoio!

    • Vivian
      30 de janeiro de 2013 at 17:24

      Nossa Bruna..demais sua idéia.
      Além de que seria AQUELA reuniãozinha neh.
      Acabaríamos que ficando por ali mesmo toda uma tarde, testando cores, tons.. Rs Délícia.

    • Martina
      7 de fevereiro de 2013 at 2:12

      Acho muito bacana sua ideia. Mas poderíamos trocar com as amigas ou ter um site que promovesse essa troca; seria muito bom também.

  • Kátia
    30 de janeiro de 2013 at 14:45

    Oi Daniele! Você sabe me dizer se esse coletor é só para vidrinhos da Risqué ou poderemos descartar de outras marcas também?
    beijos!

    • Criiiiis
      31 de janeiro de 2013 at 0:04

      dã! a energia para a indústria de cimento só funcionará com restos da marca Risqué! kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      • Beatriz
        5 de fevereiro de 2013 at 11:56

        Eu fiquei com a mesma dúvida, pois na embalagem de descarte está escrito “embalagem usada ou vazia de Risqué”.

  • cammie's
    30 de janeiro de 2013 at 15:04

    Legal! Os vidrinhos da Risqué normalmente eu aproveito, pois ficam bem “limpinhos” quando o esmalte acaba (uso pra colocar base ou extrabrilho quando compro dos potinhos grandes). Seria bom mesmo que eles também coletassem de outras marcas ou que estas copiassem a ideia da Risqué :3

  • Carol
    30 de janeiro de 2013 at 15:15

    Ontem mesmo fiquei boa parte da tarde limpando vidros com óleo de banana e acetona (que despejo com o resto de esmalte em papel toalha, pra que evaporem – NUNCA na pia!), pra mandar pra reciclagem. Hoje em dia muitas empresas têm feito isso, recolha de lâmpadas, pilhas, equipamentos eletrônicos, perfumes… Chegou a vez dos esmaltes, cheios de componentes agressivos ao meio ambiente. Ponto pra Risqué! Espero que coloquem mesmo um em cada perfumaria/farmácia. O meio ambiente agradece e a empresa passa uma imagem mais bacana também =)

  • Isabelle
    30 de janeiro de 2013 at 15:36

    Podia ter um onde eu moro, tive que jogar fora mais de 10 vidrinhos outro dia #vergonha :$

  • Lívia Chagas da Paz
    30 de janeiro de 2013 at 15:46

    Oi Daniele! Gostei tanto dessa ideia da Risqué! Pena que eu moro em Goiânia e aqui não tem onde eu descartar esmaltes! Você sabe o que fazer com esmaltes vencidos? Devo jogar o esmalte aonde???

    • Laís Santos
      7 de fevereiro de 2013 at 21:52

      As vezes eu pego uma folha de papel, despejo o esmalte ali e deixo secando. Só depois jogo fora. Não sei se ajuda muito, já que vai pro lixo comum, mas se ajudar já está bom! 🙂

  • solange de jesus martins
    30 de janeiro de 2013 at 15:52

    adorei a ideia e tomara mesmo que algumas perfumarias grandes fizesem isso.

  • Patricia
    30 de janeiro de 2013 at 16:17

    Que ideia incrível! Espero que não demore a se espalhar pelas demais cidades e marcas, também! Já pensou se ganhássemos cupons de desconto para comprar novos vidrinhos, pelo descarte “sustentável” dos antigos? Seria maravilhoso!

  • Heloisa
    30 de janeiro de 2013 at 16:22

    Incrível! Adorei a iniciativa e vou colaborar!

  • Estrelinha
    30 de janeiro de 2013 at 18:47

    Que ótima notícia! Pelo menos esses poderemos descartar direitinho.
    Boa ideia, e creio inclusive ser esperada pela marca, é priorizarmos as compras de vidrinhos coloridos da Risque. Sem contar que não testa em animais, é uma fofa mesmo. Boa iniciativa. 😀

  • solange martins ferretti
    30 de janeiro de 2013 at 21:05

    que joia agora podemos jogar os vidrinhos vencidos em lugar certo.

  • Katriny
    30 de janeiro de 2013 at 21:21

    Gostei dessa novidade, a Risqué podia mesmo espalhar pra todo o Brasil. Se bem que eu nunca acabei um vidrinho de esmalte…hahaha
    http://www.francesinhabrasileira.com

  • Luciana Petrópolis RJ
    30 de janeiro de 2013 at 21:47

    Muuuito legal essa iniciativa, mas a parte ruim é que uma minoria mesmagadora das pessoas tem essa consciência, um bom exemplo são os coletores de pilhas e baterias, toda (ou quse toda) cidade tem ao menos um e quase ninguém as descarta ali…

  • Tami
    30 de janeiro de 2013 at 22:58

    muito bacana a ideia :), a risqué sempre nos surpreendendo *—*, concordo Dani, queremos um em cada cidade, rs

  • Tami
    30 de janeiro de 2013 at 23:00

    aaawn super bacana a ideia, a risqué sempre nos surpreendendo u.u, concordo Dani, queremos um em casa cidade, rs (:

    • Tami
      30 de janeiro de 2013 at 23:00

      cada *, rs

  • Daniele F.**
    30 de janeiro de 2013 at 23:06

    Boa ideia! Seria realmente um sonho ter em toda perfumaria um coletor destes Dani.

  • karina
    30 de janeiro de 2013 at 23:12

    adorei o post …. Como curto essa onda de ser verde acho a atitude da risque mt bonita… Tem que ter em todo lugar essa cx de descarte .. Vou deixar uma msg no site deles.

  • fernanda
    31 de janeiro de 2013 at 0:05

    Antigamente eu jogava fora mesmo, mas agora eu mantenho meus vidrinhos comigo separados numa caixa e limpos. Afinal onde eu faria minhas misturinhas de última hora? rs

  • rita de cássia
    31 de janeiro de 2013 at 11:26

    Ponto positivo para a Risqué!!! parabéns pela iniciativa, que as demais marcas tenham o mesmo interesse e compromisso para as políticas de sustentabilidade!!!!

  • kenia
    31 de janeiro de 2013 at 14:25

    Amei esta nova ideia, poderiam implantar isso em tds as cidades e estados seria uma beleza.
    Parabéns Risqué.

  • Luiza Batista
    31 de janeiro de 2013 at 23:59

    Também acho que deveria ter em todas as cidades! Dia desses dei uma organizada na minha coleção de esmaltes e tirei cerca de 60 esmaltes vencidos! Ainda estão aqui parados porque não sei o que fazer, não queria colocar no lixo normal.. :/

  • Julia
    1 de fevereiro de 2013 at 10:43

    Gostei do projeto vou levar uns meus lá!

  • Daniela
    1 de fevereiro de 2013 at 13:40

    Podiam fazer um programa tipo o Back to MAC, pra gente trocar X embalagens vazias/usadas por um esmalte novo. Custaria super pouco pra eles e incentivaria muito mais gente a sair de casa e ir láaaaa na Liberdade descartar embalagens. E quanto mais gente fosse, mais eles iam vender, pq quem é que entra na Ikesaki e sai sem um esmaltezinho pelo menos? Todas as marcas deviam ter, não só de esmaltes. É marketing também, né?

    • Laís Santos
      7 de fevereiro de 2013 at 22:02

      Como fazemos com aqueles “galões” d’água, né? (aqui na minha cidade chamamos de bombona) Também acho que podiam reaproveitar, pelo menos os vidros.

  • Alice
    2 de fevereiro de 2013 at 10:08

    Danielle, me ajuda tenho que parar de roer as Unhas #MeAjuda!

  • Mell
    3 de fevereiro de 2013 at 9:48

    Não jogo meus vidrinhos fora não. Ele ficam guardadinhos para fazer misturinhas. Tenho alguns limpinhos e outros na fila da limpeza, hehe.

    Bjs.

  • Dani
    4 de fevereiro de 2013 at 11:35

    Alice, tente fazer as Unhas toda semana, na hora que você Olhar você vai pensar: ” Não vou roer, estão lindas”

    Funciona, sim!

    Beijos,Dani

  • Daf
    7 de fevereiro de 2013 at 0:15

    Seria muuuuuuuuito bem-vindo no RJ, tô cheia de vidrinhos aqui…

  • thãmyla
    7 de fevereiro de 2013 at 21:36

    amei o site , gostaria que posta-se mais cores …
    mais ta de parabens o site mandou bem em , espero que coloca mais outras cores bbeijos !

  • Lalita
    11 de fevereiro de 2013 at 12:56

    Amei a ideia, deveria ter em todas as cidades mesmo! Sempre acabo jogando no lixo comum, com um pouco de peso na consciência :/ Parabéns à Risqué pela iniciativa!
    bjs

  • Franci Pacheco
    13 de fevereiro de 2013 at 11:44

    Achei muito legal isso… queria um assim aqui perto <3

  • Simobe
    16 de fevereiro de 2013 at 23:45

    Sensacional…eco10! Parabéns a Riske…

  • Simone
    16 de fevereiro de 2013 at 23:45

    Sensacional…eco10! Parabéns a Riske…