17 Em Entrevistas

Ela(s) também ama(m) esmaltes com Milena e Renata do MAKEUPalooza

Oie! Voltei! Tô me organizando toda pra ter toda semana essa seção que eu gosto tanto de fazer! Nâo só pelas fofuras das meninas que topam participar, mas também pra gente ver a coleção alheia e o que acham daquilo que a gente tanto ama, né??
E atendendo a pedidos, resolvi expandir o ETAE com leitoras! 🙂 Acho que ninguém melhor para falar de esmaltes e afins do que quem vem aqui e fica lendo, vendo, mandando e-mails! Então, toda semana será uma blogueira/convidada e também uma leitora! Fiquem de olho na sua caixa de e-mails que eu escrevendo convidando! Ouuu, me manda e-mail dizendo que vc quer participar que a gente conversa! 😀

Bom, a ETAE de hoje é com duas pessoas muito queridas para mim. Uma já tive o prazer de conhecer pessoalmente e, a partir daí, eu passar a amar o blog dela. Depois soube que o blog era composto por mais uma menina, que  eu ainda não conheci! Milena e Renata comandam o blog MAKEUPalooza (festa da maquiagem!) que trata sobre maquiagens, produtinhos, esmaltes e tudo aquilo que a gente gosta tanto de falar. Eu evito entrar todo dia lá (mentira!) que eu fico morrendo de vontade de comprar tudo que elas falam ahahaha e elas falam mesmo, adoro as resenhas!
Vamos às perguntinhas.
Qual sua relação com esmaltes e qual a importância de unhas bem feitas, pra você?
Milena: Acho que rosto e mãos são as primeiras coisas que se nota numa pessoa. É como vc se apresenta. Então pele e mãos bem tratadas são coisas essenciais, na minha opinião. Isso não quer dizer necessariamente maquiagem e unhas pintadas. Vc pode estar apenas com uma make corretiva e com uma base incolor, ou nem isso. Mas tem que ter estar bem cuidada. Outro dia mesmo, fiquei supresa por ter recebido um elogio às minhas unhas num dia em que estava sem esmalte. 🙂 O esmalte é o elemento que faz tudo mais divertido, e tem a ver com meu estado de espírito. Nem sempre estou a fim de pintar unha, pra mim é mais diversão do que obrigação.

Renata: Começou quando eu vi que de jeito nenhum que não fosse por vaidade eu conseguiria parar de roer as unhas. Aí eu acostumei a manter as unhas sempre feitinhas, sem pelinhas soltas (elas são ímãs de dentes), lixadas (outro ímã é aquela lasquinha…) e esmaltadas.

A principal diferença entre esmalte importado e esmalte nacional é:
Milena
: Eu diria que são as cores. Fico besta quando entro em sites para ver swatches e me deparo com 12 mil tons de azul! Aqui, as empresas são muito conservadoras nesse quesito. Algumas estão começando a investir mais, mas timidamente ainda.
Renata
: Não consigo dizer só uma, porque as principais (há mais) são duas: aderência nas unhas e tempo de secagem.

Nas unhas, você segue a moda, segue teu senso de humor ou pega o primeiro que vê pela frente?
Milena
: Em primeiro lugar, meu senso de humor. Posso estar louca pra usar uma cor numa semana, e na outra não aguentar nem olhar pra ela (rs). Mas também tenho me deixado influenciar mais pelas tendências, ultimamente. Já fui a menina da unhazinha neutra, mas hoje estou mais ousada. Venho usando cores inusitadas, e tenho curtido. Cores que nunca antes tinha pensado em usar, como verde e azul. Nesse sentido, o blog abriu bem minha cabeça.
Renata
: Sigo meu senso de humor, sempre! E tenho umas vontades doidas do nada. Mas com esmaltes eu só avanço pelo mundo das cores mais conservadoras, dentro dos rosas, beges e vermelhos (muuuuuuitos desses). Alaranjados e corais, no máximo. Vermelhos, verdes, amarelos, essas coisas, não fazem minha cabeça, nem combinam com minha idade eheh

Qual a frequência com que você faz suas unhas? É você mesma quem faz?
Milena: Por mim, eu faria toda semana, com manicure. Odeio o ritual de fazer a unha sozinha, porque não levo o menor jeito. Sempre fica meia-boca. Aqui em São Paulo não achei ainda uma manicure pra chamar de “minha”… Aí acabo fazendo em casa mesmo. Como esmalte não pára mais de 3 dias na minha mão, tenho que fazer mais de uma vez por semana. Quando estou sem paciência ou sem tempo, faço uma vez e deixo o resto do tempo sem esmalte, pra unha dar uma “respirada”. Como eu e o alicate não nos entendemos, eu apelo pra técnica de manter as cutículas hidratadas, tirando só o mínimo necessário.
Renata: Faço toda semana, sem falha. 6 dias, 7 no máximo. Faço sozinha desde que era moleca e não tinha tempo de ir a salão. Na época, não abriam aos domingos, como hoje, e trabalhando e estudando o dia inteiro, inclusive aos sábados, tive que aprender a fazer tudo sozinha, inclusive as unhas. 🙂

Qual é a coisa mais brega e feia que você já viu em unhas ou algo que você viu e acha deprimente (pode ser cor de esmalte, artes ou qualquer coisa)
Milena: A coisa que eu vi que achei mais “eca” foi uma celebrity (não lembro qual) com uns bagulhos tipo miniaturas de Sushi colados na unha. Eu já não gosto de unhas decoradas, mas aquilo ali abusou do direito de ser feio. rs
Renata: Francesinha. É, eu sei. Estranho. rs Mas acho esquisitíssimo aquilo! Parece, pra mim, que a pessoa colocou a parte branca por cima porque a unha por baixo não é branquinha, portanto deve ser sujinha. Bizarro, meu pensamento? Deve ser, porque eu não usaria, parece que estaria tentando esconder sujeira debaixo da unha! :O Isso, e glitter, lógico. 🙂

Diga uma cor de esmalte maravilhosa, outra básica e uma essencial pra você.
Milena: Nossa, difícil. “Cor maravilhosa”, pra mim, pode ser duas coisas: ou uma cor chique, ou uma cor que simplesmente capte seu olhar de forma que vc fique hipnotizada e não consiga desviar. E uma coisa não necessariamente tem relação com a outra.
Acho unhas nude e azul marinho um escândalo de chique. E sempre fico hipnotizada pelos tons vibrantes de rosa, sejam mais acesos (tipo o Rosa Pink da Colorama ou o Rio Doce da Impala) ou os mais suaves, como o Leme (Impala). Então eu voto nessas todas, pode ser? rs
Cor básica é vinho. Fica bem com qualquer produção e qualquer comprimento de unha.
E essencial? Um clarinho qualquer. Absolutamente necessário. Eu tenho usado o Chic Pele e o Champanhe, ambos Colorama.
Renata: Maravilhosa: no momento, obviamente é uma que eu não tenho. 😀 Vi num vídeo e amei, apaixonei. É o China Glaze – Mom’s Chiffon, que eu vi num video da Julia (MissChievous) Básica: vermelhos, vários! Essencial: vermelhos, vários e sempre. É o que geralmente eu uso. As outras cores eu uso mais raramente.

Moda e esmalte é uma questão de:
Milena: Personalidade. Também no sentido de atitude, mas principalmente no sentido de essência mesmo. Não adianta forçar uma postura vamp em quem, por natureza, é low profile.
Renata: vaidade

Fale um pouco da sua coleção e desde quando você é ligada no mundo de esmaltes e unhas.
Milena: Sempre gostei de esmaltes, mas investia pouco. Desde que comecei o blog, me arrisquei mais por esse mundinho, e tô gostando. Unhas também passaram a ser mais bem tratadas, pois aprendi certos cuidados básicos que eu ignorava (oi cerinha e bepantol!).
Minha coleção tem uns 60 esmaltes, considero uma quantidade razoável, rs. Nela reinam os tons nude/bege e muuuuuuuuuitos tons de rosa, além de azul, lilás, vinho, roxo, alguns branquinhos e poucos verdes. Passo longe de vermelho e tons alaranjados, não gosto em mim (apesar de achar bonito nas mãos de outras meninas).
Renata: Minha coleção é pequena. Trabalhei muito tempo com cabelos, tinturas e essas coisas manchavam muito os esmaltes claros, por isso acostumei a usar quase sempre os vermelhos. Até hoje é assim.Os claros duram pouquíssimo na minha mão, não sei por quê. E eu gosto de vários tons de vermelho, combinam com minha mão, que é branquela.
O mundo dos esmaltes eu conheci quando, como toda menina, eu ficava olhando os frascos de esmalte enquanto a manicure fazia as unhas da minha mãe. Olhava todos! Quando acabava de olhar todos, um por um, eu olhava de novo. Nem tinha muitos na caixinha da manicure, existia pouca diversidade. Era Misturinha, Zazá, Fox… rs  Eu mesma comecei a fazer unhas bem tarde, já com uns 17 anos, acho, por aí. Mas acho que uma das coisas que contribuíram pra eu curtir isso foi ter sempre achado as mãos da minha mãe maravilhosas. Ela nunca foi muito vaidosa com roupas, maquiagens, cosméticos em geral, mas eu nunca vi minha mãe sem estar com as unhas lindas. E se não estivesse, tipo em férias na praia, ela ficava feito louca procurando manicure. rs Até hoje é assim, e acabei sendo do mesmo jeito.

E aí, gostaram?? 🙂 Quero agradecer à Mi e a Rê por serem tão fofas e fazerem um blog tão legal!
Para acessar o MAKEUPalooza, só clicar aqui: http://makeupalooza.blogspot.com/

Comments

comments

Você também poderá gostar de

  • Renata
    27 de fevereiro de 2010 at 14:38

    AAAAh, a montagem das fotos ficou muito legal! 😀

    Vou publicar no MP que vc entrevistou a gente, pode?

    • Daniele
      27 de fevereiro de 2010 at 14:51

      Que bom que gostou, Rê! Claro que pode! 🙂
      Bjss e obrigada mais uma vez!

  • Carlinha
    27 de fevereiro de 2010 at 14:55

    Fantástico, adoro esta sessão do blog e adoro quando são pessoas que eu adoro de blog que eu adoro. Um monte de adoro, porque adorei! 😉

  • Monique
    27 de fevereiro de 2010 at 15:33

    Danii, que legal que a ETAE vai ser com as leitoras. Adorei!!!!
    As unhas das meninas são fofas ever ,parabens pra elas!
    bj Flor
    Fica com Deus
    :umbrella:

  • Renata
    27 de fevereiro de 2010 at 15:45

    Também amo rosas e vermelhos. Os 7 vermelhos capitais são os meus queridinhos, mas me apaixonei pelo Sereia e Marina também.

    =**

  • Milena
    27 de fevereiro de 2010 at 17:22

    Oba, que máximo! 😀
    Sempre fico boba com o capricho que vc bota em cada post, Dani. Desta vez não foi diferente. Adorei!

    Beijos!!!

  • Milena
    27 de fevereiro de 2010 at 17:24

    Ah, e eu adoro francesinha! rsrs

  • Jane
    27 de fevereiro de 2010 at 19:07

    Muito legal esse post, como todos os outros, parabéns. Tem selinho pra vc no meu blog, passa lah se puder..bjus!!

  • Juliana Yatsuda
    27 de fevereiro de 2010 at 19:33

    Beleza! amei o Site e achei Interessantíssimo as misturas que resultaram naquleles lindíssimos esmaltes, e inspirados neles criei um também vou postar no meu blog! apelidei a cor de CAQUI Ñ É TOMATE! usei um vidrinho antigo da AVON coloquei 1cm de Laranja da AVON/0,5cm de manga[127]-Extasase/0,5cm tropical[57]-Marchetti, completei com vermelho paixão AVON, 3 gotas de amber ablaze[470]Revlon, e 10 gotas de óleo Banana!
    Infelismente o Laranja da AVON já saiu de linha mas como revendo AVON tá aqui o telefone do atendimento ao consumidor SAC:

  • Juliana Yatsuda
    27 de fevereiro de 2010 at 19:36

    AH simmalguém aqui sabe se vcai demorar para sair a coleção de esmaltes foscos(efeito matte) da Risquê que foram sucesseo nos desfiles de Reinaldo Lourenço??????????????????

  • Milena Lima
    27 de fevereiro de 2010 at 19:46

    Amei o post :D. Mas queria perguntar se alguém conhece essa marca de esmalte Oops! J by Jolin Tsai Yi Lin http://oopsjdiary.blogspot.com/ hahah Amei e pena que não vende por aqui… alguém pode dar sugestão de alternativa? hehe é uma cantora chinesa :B

  • Larissa Alvimd
    27 de fevereiro de 2010 at 19:56

    a proposito! vc é tao lindinha,parece uma boneca! to adorando isso aqui! hauahuaha… o melhor é q eu vejo q nao sou só eu a maluca por esmaltes… :panda:

  • Luciana Gandini
    27 de fevereiro de 2010 at 20:26

    Adorei tb!
    ETAE com leitoras! Amei (Ok, sei q sou nova aqui, mas ainda chego lá hahaha)
    Parabéns pela entrevista Dani, adorei a dose dupla! E sem dúvida a parte q maaiss gosto é a coleção das girls. Tuudo!
    Ateh mais
    bjinhos
    Lu

  • flávinha lima
    27 de fevereiro de 2010 at 22:58

    Adorei a entrevista! ficou muito divertida

    Só fiquei tisti na parte que ela falou ali de unha com glitter ser brega/feia etc… eu sempre achei tão fofo e uso sempre que minahs unahs não estão esmaltadas de outra cor 🙁

  • Vera Lucia
    28 de fevereiro de 2010 at 13:11

    Oi, Dani
    Que bom que sua inventividade lhe permite preencher o espaço que os posts da meninas (Leia-se Ariane, minha predileta) deixou.
    Gostei demais de suas escolhas.
    Manaus, sempre quente, haja bolinhas, vou aproveitar as dicas, mais uma vez.
    Beijos

  • Iza
    28 de fevereiro de 2010 at 15:12

    Saiu uma matéria sobre cutículas (e o mal de cortá-las) no HowStuffWorks: http://saude.hsw.uol.com.br/cortar-cuticulas.htm

  • betinatalita
    1 de março de 2010 at 8:51

    Dani, ficou lindo este post!!!! A boa qualidade está de volta…a Mi e a Le são duas superfofas, amo o que escrevem, e o que vc escreve também, lógico. Concordo com a Mi que o rosto e as mãos são as primeiras coisas que se norta nas pessoas e conforme a Rê falou, aquelas pelinhas sobrando são ímãs de dentes, portanto, trato bem delas(eu hidrato a toda hora e nunca preciso tirar). Aproveitando, vc acha que esta tendência de “cores fluorescentes” veio para ficar? Bjs pra todas, amo vcs que são do bem.