71 Em Cores Pantone/ Moda & Tendências

Greenery: esmaltes da cor do ano!

Falar da “cor do ano” por aqui já é tradição e é óbvio que eu teria que mostrar para vocês a Greenery, eleita “color of the year” em forma de esmaltes!

Greenery já chegou dando o que falar: é uma cor difícil e totalmente “8 ou 80” – ou você ama, ou você não gosta. Eu, particularmente, não sou fã de verdes. Esse tom ainda, que tem uma boa dose de amarelo, dispenso até fácil. Nunca seria minha prioridade para um objeto de decoração, acessórios, roupas e esmalte, por exemplo.

Mas por que a Greenery foi escolhida “a cor do ano”? Segundo a Pantone a seleção da cor foi simbólica; um toque de cor que vemos acontecendo em nossa cultura e que serve como expressão seja de um humor, tanto quanto de uma atitude.

Para Leatrice Eiseman, Diretora Executiva da Pantone, “Greenery explode em 2017 para nos fornecer a garantia que ansiamos em meio a um tumulto do ambiente social e político. Satisfazendo nosso desejo crescente de rejuvenescer e revitalizar. Greenery simboliza a reconexão que buscamos com a natureza, um outro e um propósito maior.”

O tom do verde é aquele verde do abacate, do kiwi, de suco verde. Uma cor detox! hehehe Fui à perfumaria para fazer a seleção de esmalter para esse post e a notícia é: não temos vidrinhos exatamente nesse tom. Já tivemos muitos, mas agora só aqueles verdinhos que se aproximam, mas verde amarelado – não.

Montagem: Unha Bonita – Fotos: Pinterest e Shutterstock

A maioria dos verdinhos Greenery em forma de esmalte já saíram de linha, mas aposto que quem coleciona guardou um desses vidrinhos por aí 🙂 O Revlon Sassy ainda encontra para vender, vocês vem os outros por aí – como Blant, e Dote? Os outros saíram de linha mesmo…

 

Procurei aqui nas minhas gavetas os que mais se aproximaram do Greenery e encontrei mais esses dois – mesmo não sendo iguais, eles tem “um quê” de verde amarelado: como o Sperança e da Vicci e o Verde-Yellow da Lorac (nome sugestivo hein?)

Brilhinhos do Me Add? da Colorama

Logo que Greenery foi anunciado e fiquei pensando na seleção dos esmaltes, um em especial me veio à cabeça: Menta, da Risqué.

Da coleção “Arábica” – de 2009 (lembro que foi um dos primeiro swatches que fiz #nostalgia – para quem quiser ver o post, é esse aqui), o Menta não ficou no portfolio da marca (toda coleção é limitada – entra uma, sai a anterior) mas mesmo assim fez muito sucesso, já que era uma cor “ousada” para a época. Para não falar que nunca usei, usei o Menta sim, por livre e espontânea vontade – tava com vontade de verde, acreditam? Nunca mais aconteceu rs

Mas é claro que quis passá-lo de novo para mostrar esse tom por aqui e atualizar os swatches hehehe

A cobertura do Menta estava ok – estava bem fluído e usei 3 camadas para fechar bem a cor  – e ainda secou super rápido. Não fiquei com ele e não posso falar sobre fixação, mas para quem tem curiosidades e dúvidas sobre esmaltes mais antigos e até que já venceram, aconselho a leitura desse post aqui.

Não curti a minha mão com esse verde, quem sabe quando estiver mais bronzeada (risos internos e eternos aheuahueuhaehua) – para os esmaltes, acredito que vou passar a tendência do Greenery, mas posso apostar em algum acessório, quem sabe! NUNCA diga nunca 😀

Agora me contem, gostaram do Greenery!? Sim, não, talvez? Vamos conversar nos comentários!! Quero saber a opinião sobre esse verdinho escolhido da Pantone!

Um beijão <3

Você também poderá gostar de

71 Comentários

  • Responder
    Martha Barros
    24 de janeiro de 2017 at 0:14

    Concordo com você. Essa tonalidade combina com peles mais douradas, morenas, bronzeadas. Para as branquelas como eu os tons de nude, vermelhos e branquinhos é que somam! Mas – vamos combinar – brincar com as cores tem também seu momento… Parabéns pela matéria. Trabalho sempre impecável!😘😘😘😘

  • Responder
    Leila
    24 de janeiro de 2017 at 8:42

    Oi Dani! Tudo bem que a Pantone escolheu essa cor pela simbologia e ela casa com o momento pelo qual estamos passando aqui no Brasil, mas… não consigo ver beleza nela, salvo se ela estiver em folhas novinhas de plantas. Para acessórios, esmaltes, etc., passo batida bem fácil.
    Beijos

  • Responder
    Meg Evans
    24 de janeiro de 2017 at 8:54

    É linda, eu tb não consigo gostar dessa cor. O único vidro que comprei, foi exatamente o Menta , mas vendo que não consegui usar outras vezes, pinguim um pouco de cinza, então consegui duas coisas: deixar ele mais consistente, e usar mais algumas vezes. Gostei mais Verde acinzentado! Beijocas Danilinda

    • Responder
      Daniele Honorato
      3 de março de 2017 at 23:23

      Sério!? Caramba, mistura inusitada hein!? Tem foto!?
      Bjs minha linda <3

  • Responder
    Meg Evans
    24 de janeiro de 2017 at 8:55

    Pinguei*** rsrsrs

  • Responder
    Eve
    24 de janeiro de 2017 at 9:06

    Dani eu também passo essa cor. Tudo bem que a Pantone não escolhe a cor pensando somente nos esmaltes, porque olha… não curto esse verde amarelado não.
    E acredito que a maioria desses que você pesquisou saiu de linha porque as marcas perceberam que não vendia, dificil quem goste. Tem as outras cores da cartela da Pantone né? Dá uma atualizada pra gente Dani 🙂 Nem precisa fazer um post pra cada cor, só um apanhado geral já me deixa feliz!
    Beijossss

    • Responder
      Daniele Honorato
      3 de março de 2017 at 23:22

      Todos saíram de linha, Eve rs
      A cartela ainda não saiu, quando sair eu faço a série!
      Beijossss

  • Responder
    ro
    24 de janeiro de 2017 at 9:55

    Desde a cor Marsala, nunca mais me interessei por nenhuma outra. Outro verde tipo militar ou preto esverdeado vai, agora esse verde é feio demais.

  • Responder
    Mari
    24 de janeiro de 2017 at 11:59

    Dani, fotos lindas! E esse gato, que amor! Mas esse verde nas unhas… jamais, hahaha. Talvez um acessório, como vc disse. Mas não tenho nada nada dessa cor! E o único esmalte verde que já usei foi o “Verdinho na mão é vendaval”, uma única vez, e ainda olhava bem reticente para as minhas unhas hahaha. Beijos!

    • Responder
      Daniele Honorato
      3 de março de 2017 at 23:21

      hahahaha esmalte e resistência andam mt juntos na manicure da maioria aqui!
      Beijo linda

  • Responder
    Paula
    24 de janeiro de 2017 at 12:02

    Não gostei dessa cor 😐 É um tom de verde diferente. Acho o formato da sua unha muito bonito Dani

  • Responder
    Babi
    24 de janeiro de 2017 at 12:40

    Ai amiga, tem coisa que não dá pra mudar de ideia. Espero que as lojas não se apeguem nessa cor do ano…

    Ecaaaaa

    • Responder
      Daniele Honorato
      3 de março de 2017 at 23:19

      Vc comentar nesse post é prova de amor! QUE ISSO BRAZELLLL
      <3 <3 <3
      Relaxa que não vai rolar apego rsrs

  • Responder
    Fernanda
    24 de janeiro de 2017 at 13:03

    Amoo demais, verde é minha cor favorita. Tem o Sombra e Água Fresca da Avon só q nao é mais fabricado. Tomara que alguma coleção aposte nesse tom maravilhoso..O Pistache Impala ainda é vendido?

  • Responder
    tania
    24 de janeiro de 2017 at 14:40

    Oi Dani!
    Nas suas unhas achei bonito,tambem com essa esmaltação ainda não vi uma cor que não ficasse linda nas fotos!
    Pra mim que esse é aquele tom de verde que usam no halloween…dai acho bonito !!!!
    Bjs!

  • Responder
    Bel
    24 de janeiro de 2017 at 15:03

    Olha, também não sou fã de verde, ainda mais esse… Mas acho q em decoração e acessórios, interessante! Agora, esmalte… no way!!!!!! Tenho uns verdes aqui mega escuros, puxado pro azul… aí vai! Mas esse tom não usaria nas unhas jamais!! E meu sentimento no momento é #voltamarsala hahahaha

  • Responder
    Malu
    24 de janeiro de 2017 at 15:34

    Então… não consigo gostar destes tons amarelados, não combinam com minha branquelice kkk mas estava sentindo falta do seu post sobre a cor pantone 2017… 🙂 você vai comentar as outras cores da cartela do ano???? Diga sim!!!! Bjus

  • Responder
    Valentina Chirico
    24 de janeiro de 2017 at 20:20

    Daniele… Aràbica is so cool and looks great with your skin tone!
    Gosh… my latest post is about a similar nail polish!! Is there in Brazil Citronized by Avon?
    I’ll be honest, I love acid and unusual colours!

    • Responder
      Daniele Honorato
      3 de março de 2017 at 23:17

      I’ll check it!!!
      I really appreciated these colors, but in my skin tone..uhg
      xoxo darling

  • Responder
    Dani A. (Coisinha de mulher)
    25 de janeiro de 2017 at 0:34

    Também conhecido como verde caquento haha
    Não curto essa cor nas minhas unhas também. Usei o Menta na época e nunca mais tive vontade, que nem tu haha
    Beijo

    • Responder
      Daniele Honorato
      3 de março de 2017 at 23:15

      KKKK
      eu amei o Menta na época! Vai entender?! rsrs Acho que fiquei mais branca ainda (se isso for possível!)

  • Responder
    Rose
    25 de janeiro de 2017 at 1:20

    Eu amei essa cor, tão alegre e divertida! Esse ano já usei o atraente da Dote e o oliva da Realce, ambos lindinhos. Bj

  • Responder
    Bárbara Priscy
    25 de janeiro de 2017 at 7:54

    Se eu te contar que eu tenho o menta até hoje você acredita? kkkkk

  • Responder
    Mellise Fontes
    25 de janeiro de 2017 at 15:04

    Ah! O Menta! Tenho uma relação de amor e ódio com ele. Não uso o menta regirlarmente mas sempre uso no Carnaval. Ele é bem alegre e chama a atenção pq é super diferente. Só tenho mais um Carnaval pra aproveitá-lo. Tá nas últimas… Esse esmalte me fez lembrar a coleção inteira em parceria com o Reinaldo Lourenço. O Arábia é um dos meus xodós.
    Ótimo post.
    Obrigada.
    Xoxo

    • Responder
      Daniele Honorato
      3 de março de 2017 at 23:12

      Saudades dessa coleção, né? E faz tanto tempo!
      O menta é alegre, mas só no carnaval, eu não consigo usar assim de boas!
      Beijos e obrigada linda

  • Responder
    Daniela Santos
    25 de janeiro de 2017 at 21:20

    Suas fotos impecáveis como sempre. Parabéns, Dani!

  • Responder
    tania
    25 de janeiro de 2017 at 21:50

    Oi Dani!
    Tudo bem…gostaria de pedir um favor,sera que voe podia me indicar um esmalte próximo,primo,quase igual do “VAMP” da Chanel…depois de ver mil fotos,não consigo distinguir entre marron e vermelho,metalico enfim,tô perdida mesmo!
    Tenho o Dior Nuit…mas vejo diferenças!
    Bjo e obrigada!

  • Responder
    sara fernandes ferreira
    25 de janeiro de 2017 at 23:50

    Eu tenho esse bonito até hj e confesso que tenho pena de usar pra não acabar! E foi ele que me fez curtir o verdes ! Lembro que Angélica tava usando e de repente todo mundo queria! Mas ficou lindo de mais na tua mão… Eu super te entendo, tem cor que não tem como a gente gostar nem com “reza braba”. Miga esse lorac tá um abuso de tao lindo tem swatch ?

  • Responder
    Milene
    26 de janeiro de 2017 at 0:11

    Eu também não curto muito esse tom, mas, tenho aqui em casa o Aflição da Hits, na época tava aparecendo na novela e eu comprei para experimentar. Agora como a cor tá na moda vou tentar usar assim tiro ele do fundo da gaveta, kkkkk.

  • Responder
    Erica
    26 de janeiro de 2017 at 15:39

    Aiii ficou tão lindo nas suas unhas, mas não consigo usar muito verde.. hehehe
    Poderiam escolher uma cor melhorzinha pra esse ano né? kkkkk
    Beijos Daniii

  • Responder
    maria helena
    28 de janeiro de 2017 at 18:37

    Gosto de esmaltes verdes, mas verdes beeem escuros… Esse quê amarelado do greenery realmente não me atrai.

  • Responder
    Mel
    28 de janeiro de 2017 at 19:17

    Sem querer ser chata, mas a legenda do Revlon tá com informação do esmalte da Giovanna… Reparei porque gosto dos esmaltes da Revlon e quis saber o nome desse verde para eu comprar…

  • Responder
    Franci Pacheco
    29 de janeiro de 2017 at 23:16

    confesso que não é uma cor que chame a minha atenção também, mas já usei muito o Menta e acho lindo!

  • Responder
    Paty
    30 de janeiro de 2017 at 13:05

    Dani,
    Na sua pele branquinha mesmo essas cores “estranhas” ficam fofas, hehe
    Detesto verde,kkkkkkkkkkk… o máximo que já consegui foi aquele “Flores para Iemanjá” da Risqué.
    Acho minha pele amarelada demais, prefiro os tons mais “quentes”.. Já devo ter comentado isso nos meus outros trocentos comentários, rs rs rs
    Beijoca!
    obs: Amei a montagem, perfeita!!!! ♥
    😉

    • Responder
      Daniele Honorato
      3 de março de 2017 at 23:06

      Ai Paty, agradeço, mas não me desce rsrs
      Esse tom é mais quente, viu?
      O Flores para Iemanjá é mais frio!
      Mas sei lá, não consigo gostar desse tom Shrek!
      Beijo minha, mt obrigada! :***

  • Responder
    Emanuele Klein
    31 de janeiro de 2017 at 1:43

    Lembrei do Lime Catwalk, da Bourjois. É parecido, né Dani? Bjoss

  • Responder
    Laryssa Cristina
    31 de janeiro de 2017 at 13:45

    Eu sinceramente adorei a cor Greenery do ano é uma cor bem verão , e super combinou com seu tom de pele Danii , Beijoos 🙂

  • Responder
    elisa
    1 de fevereiro de 2017 at 15:49

    amei o blog

  • Responder
    Luciana Petrópolis RJ
    3 de fevereiro de 2017 at 11:33

    Só tive um verde assim até hoje, da Dote, mas ele ficou tão estranho em mim que acabei doando ele logo!

  • Responder
    Luciana
    6 de fevereiro de 2017 at 9:30

    Posso até dar uma chance pra essa cor…Vou ver o que acho nas lojas 🙂

  • Responder
    elisa
    13 de fevereiro de 2017 at 18:59

    blog mai que perfeito

  • Responder
    Mariana
    3 de março de 2017 at 0:22

    Oi Dani! Achei super legal a aposta da Pantone, mas não nas minhas unhas… que aflição imaginar uma esmaltação nesse tom… Para outras coisas, aí tudo bem! Beijo

    • Responder
      Daniele Honorato
      3 de março de 2017 at 22:26

      rsrs eu tb, Mariana. Não me vejo usando esmalte assim mais! Beijosss

  • Responder
    ines
    13 de março de 2017 at 15:03

    Eu sinceramente para certas ocasiões até usaria este tom de cor.
    mas gosto não se discute rsssssss

  • Responder
    Paula Ianes
    26 de março de 2017 at 16:28

    Oi Dani!
    Este tom de verde não me agrada, é muito amarelado pro meu gosto, não casa com meu subtom de pele. Minha inspiração Pantone será usar o Experiência Caribenha, da coleção “Diário de Viagem” da Risqué. Também estou com vontade de experimentar o Mousse de Limão da Vult.

  • Deixe seu comentário