51 Em Doctor UB/ Tratamentos e Cuidados

Doctor UB: Como proteger as unhas no trabalho!

Ehhhh! Olha quem voltou! Nosso querido DOCTOR UB! Dr. Alex Botsaris veio com tudo e preparou um texto delicioso sobre cuidados das nossas unhas no ambiente de trabalho! “Ahm, como assim?” – Isso mesmo, gente! Nossas unhas podem sofrer, e muito, enquanto fazemos coisas corriqueiras do dia-a-dia como digitar, lavar louça, ou ficar o dia todo com luvas (aquelas benditas com talco dentro, sabe?). Dr. Alex reuniu várias dicas e explica tudo direitinho pra cuidarmos super bem e ficarmos atentas às agressões que podemos sofrer nas pontas dos dedos! Nada de preguiça e bora ler tudo!

<!–

 

<!–

 

A  água de coco possui polissacarídeos e terpenos que atuam como quelantes, ou seja, grudam nas substâncias ruins, retirando-as da unha e da epiderme. Para se ter uma ideia, pesquisas revelaram que substâncias extraídas do coco têm potencial de uso na proteção de óvulos e sêmen armazenados, por causa da sua atividade protetora sobre a membrana das células.  Há também evidências de efeito antiinflamatório e antioxidante, todos que ajudam a chamada detoxificação – um processo de eliminar as substâncias consideradas tóxicas do organismo. Todas essas características fazem da água de coco um produto ideal para a limpeza. Usualmente, são usados agentes tensoativos, como o sabão ou o detergente, que podem potencializar o efeito tóxico dos agentes químicos nas unhas ou ajudá-los a penetrar mais fundo. Se for possível, é indicado fazer o cuidado com a água de coco duas vezes na semana.


Por fim, a mulher muito cuidadosa pode colocar, com um pincel de unhas, óleo de cravo nas unhas umas três vezes por semana. O óleo de cravo tem muitas propriedades benéficas, reforçando a unha, reduzindo a sua porosidade aos químicos, e auxiliando o banho na água de coco a retirar as substâncias retidas na unha.

 

 


Fazer massagem diária na unha reduz consideravelmente os impactos negativos do trauma repetitivo. Por fim, vale buscar as recomendações para uma nutrição adequada para as unhas, optando por uma alimentação saudável, e usando suplementos com vitaminas do complexo B, carotenóides, vitamina C, zinco, magnésio, cálcio, cisteína (entre outros aminoácidos), coenzima Q10, fosfolipídeos e ácidos graxos essenciais.

 

 

 

Entretanto, apenas a luva não é suficiente para dar proteção total. Por isso, recomendo que a pessoa prepare um produto à base de azeite e Aloevera (babosa) para colocar nas mãos. A idéia é lambuzar as mãos – colocar bastante produto – e então colocar as mãos dentro das luvas.  No início, a pessoa vai estranhar, sentir as mãos meladas com o produto, mas logo se acostuma com a sua presença, e vai notar que sua destreza e coordenação aumenta, quando o produto é colocado.

O azeite tem uma composição lípica muito saudável, nutritiva e protetora para a pele e ainda possui flavonóides antiinflamatórios que bloqueiam as substâncias liberadas pelo estresse térmico. A Aloe vera é rica em polissacarídeos que são cicatrizantes, protetores da pele, que também atuam bloqueando a inflamação da variação de temperatura.  Quando a Aloe vera é misturada ao azeite, forma uma emulsão que tem mais aderência e viscosidade que a água. Ela vai ficar absorvida na camada mais externa da pele potencializando o efeito protetor da luva, elevando o bloqueio térmico.

O prepararo é fácil. Para o estresse de calor, a pessoa deve separar 100 ml de azeite numa garrafa de boca larga. Colocar 15 gramas de hortelã seca moída na garrafa e deixar num local fresco e escuro por 10 dias. Pode mexer uma vez ao dia com uma vareta de vidro ou madeira. Ao final de 10 dias, a mistura está pronta para o uso.

A babosa deverá ser extraída da folha fresca. Em geral é fácil de comprar em feiras livres ou mercados, ou ainda pode ser cultivada em casa. É necessário o gel de uma folha grande por vez. A folha é cortada ao meio e o gel é espremido, dentro de uma colher. Misturar o gel de uma folha com três colheres de sopa do preparo do azeite. Depois de misturar bem, colocar a mistura nas mãos e espalhar, vestindo a luva em seguida.

No caso da exposição repetida a frio, as luvas também são o principal instrumento de proteção contra o estresse térmico. Mas quando há exposição à umidade concomitante – como em todos os casos onde a pessoa tem contato com gelo – as luvas de pano não funcionam com tanta eficiência. A umidade na luva potencializa de forma significativa o efeito do frio, neutralizando a proteção, por causa da evaporação. Nesses casos a luva de látex é a mais indicada, e os cuidados para proteção das unhas já descrito para essas luvas podem também ser adotados.

Quando a exposição a temperaturas baixas e altas é muito extrema, as luvas de látex podem ser associadas às luvas de pano, aumentando assim a capacidade de barrar o dano térmico, seja fio ou calor. Nos casos de uso de duas luvas no calor, as luvas de látex devem ficar por dentro e as de pano por fora. Quando se tratar de frio, as de pano por dentro com as de látex por fora.

Quando lidamos com o estresse por frio, também está indicado colocar a mistura de azeite com babosa, mas seu preparo muda um pouco.

O azeite deve ser colocado em masseração (mistura para extração) com canela em casca rasurada (quebrada em pequenos pedaços), pelos mesmos 10 dias antes do uso. Na medicina chinesa, a canela dá uma capacidade extra de proteção do frio ao azeite, enquanto a hortelã aumenta a capacidade de proteção contra o calor.

Outros tipos de agressão

Outros tipos de agressão são uma combinação desses tipos que já apresentei, em proporções diferentes. Assim o que foi dito até aqui pode ser usado para outras situações que ainda não foram abordadas especificamente acima. Se as suas unhas não melhoram com os tratamentos propostos, você pode rever para avaliar se há um fator de agressão na sua atividade profissional.

  • Aumente a tolerância das suas unhas

Em toda situação onde as unhas estão submetidas ao estresse aumentado, é necessário tomar as medidas gerais para melhorar a tolerância ao estresse. Essas medidas sempre melhoram a biologia dos tecidos ungueais, levando a recuperação do aspecto das unhas e potencializando o efeito das medidas específicas já propostas. Algumas medidas já foram citadas acima, mas voltarei a frisar a sua importância:

  • Alimentação rica: Os alimentos ricos em nutrientes importantes para as unhas como sementes, raízes, frutas, legumes, folhas, leite e derivados, algas, brotos, temperos aromáticos, ovos, azeite e peixes são essenciais.
  • Suplementação alimentar: Além de uma alimentação rica, suplementos com os principais nutrientes que aumentam a produção da matriz ungueal podem ajudar muito. Isso inclui a cisteína e outros aminoácidos, minerais (zinco, magnésio, cálcio, manganês, ferro, silício, cobre etc), vitaminas (carotenóides, complexo B, vitamina E vitamina C) e lipídeos (GLA, fosfolipídeos).
  • Massagem: Aplicação das técnicas de massagem para as unhas, para reforçar, melhorar a perfusão sanguínea e reduzir o estresse.
  • Banho com ervas: Preparar um banho com barbatimão (Striphnodendron sp) e urtiga (Urtica dioica), 5g de cada erva para 100ml de água. Colocar os dedos dentro por 10 minutos, para aumentar a capacidade das unhas de suportar o estresse físico e químico.
Adoooro as receitinhas do Dr! Faço todas e são uma delícia! Gostei muito fazer esse post! Espero que tenham gostado também porque deu um trabalhão pra fazer as montagens! kkkkkk :***
Thanks, Dr!!!

 

______________________________________________________________________________
Já conhece minhas canetas especiais para unhas e cutículas? A linha PrimeCuticle foi desenvolvida por mim e para mim, para que minhas cutículas ficasse pequenas, sem pelinhas e suaves, sem alicate e sem cortes. Hoje a linha faz sucesso pelo Brasil inteiro e quem usa, ama! Se você quiser manter suas unhas saudáveis, fortes e as cutículas sempre no lugar, sem precisar usar alicate, você precisa experimentar essas canetas! Elas podem ser usadas sozinhas ou em conjunto, com ou sem esmalte! Para saber mais sobre o assunto e a respeito delas é só clicar aqui e para adquirir as canetas é só clicar na imagem abaixo 🙂

primecuticle_post

Você também poderá gostar de

  • Maisa
    1 de Abril de 2012 at 16:57

    Dani, olhei cuidadosamente toda a matéria e apesar de ainda estar estudando, gostei MUITO dessa matéria 🙂 O post tá muuuuito completo e com certeza, nunca vi nada igual por aí! TÁ DE PARABÉNS ?

  • Luciana Petrópolis RJ
    1 de Abril de 2012 at 17:01

    Adorei esse post Dani 😉

  • Roberta Schnaider
    1 de Abril de 2012 at 17:22

    Nossa Dani, que post enorme!! Adorei as dicas e receitas do Dr.
    Parabéns pela dedicação!!
    Bjs

  • Bruna
    1 de Abril de 2012 at 17:38

    Oi!! Td bom??
    Primeiro pra t dizer q ameiiiii o seu blog!!
    E segundo, como faço pra manter as unhas bens se mexo mto com agua??? Não posso usar luvas e ai meu esmalte descasca mto e as minhas unhas jah são mtooo fracas!! Tem alguma dica???
    Bjus

  • Fernanda
    1 de Abril de 2012 at 17:46

    Nooosa o mais completo!
    Esse post é mais do que informativo, deve set usado como consulta sempre!
    Parabens!

  • Sara Shinoda*
    1 de Abril de 2012 at 18:00

    Adorei as dicas, e o site maravilhoso..
    bjss

  • Juliana Correia
    1 de Abril de 2012 at 19:43

    Dani,amo o site e como sempre nos ensinando,tirando duvidas,mostrando as novidades,etc.Otimo post,parabens e obrigada dr.Alex

  • alexandra
    1 de Abril de 2012 at 19:55

    Eu preciso de uma capa dessa pra teclado!
    Trabalho digitando o dia todo e sinto minhas unhas sofrendo demais por isso.

  • Maria Clara
    1 de Abril de 2012 at 21:03

    Oi, Dani!

    O post é ótimo, mesmo! Mas, infelizmente, no meu caso, o uso das luvas estéreis é indispensável (sou médica, entro em cirurgias) e não posso aplicar bepantol nas mãos depois de feita assepsia.
    O que eu costumo fazer é colocar uma luvinha de plástico (mas tb estéril) primeiro, antes das de látex. Apesar de ser larga e atrapalhar um pouco a sensibilidade, não tem talco e protege as mãos do talco e os punhos do capote!

    Foi a minha salvação!!!

    bjinhus

  • Daiane
    1 de Abril de 2012 at 21:14

    Dani, ficou lindo o post…e as dicas do Dr otimassss

  • Bia
    1 de Abril de 2012 at 21:55

    Daani! Amei o post, bem esclarecedor, mas meu problema é que tipo:
    eu ainda não trabalho, rs… então vou á escola mas meu problema são as cutículas: eu mexo com o compasso, vou na mochila pegar a régua e minha mão tá ressecada; as cutículas ficam feias, grossas… e mesmo que eu use a Cera da Granado ou QUALQUER OUTRO produto pra cutícula, a minha fica feia… se eu fico mais de 4 dias sem fazer as unhas, ficam mais feias do que não sei oque, rs… Bom, ACABEI de encomendar sua canetinha: vamos ver se funciona né kkk Beeijos Dani, tá de parabéns pelo blog; e doctor U.B., obrigado pelas dicas! =]
    Bejs ?

  • Priscila Priarte
    1 de Abril de 2012 at 22:30

    Muitooooo útil as dicas Dani….ADOREI!!

    http://www.priarte.com

  • Andressa Carré
    1 de Abril de 2012 at 22:41

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk curti

  • Ana E. - Esmalte Descontrol
    1 de Abril de 2012 at 22:57

    Muito bom! As minhas pontinhas sempre descascam / descamam por conta do teclado :/

    Besos!

  • Jeh Galvão
    1 de Abril de 2012 at 23:30

    Demais esse post é um assunto que deveria ser mais recorrente,adorei o formato dele e dos demais posts do blog, super me inspirou, hahaha
    Beijos, Jeh Galvão
    Blog Horadamake

  • Lilian
    1 de Abril de 2012 at 23:53

    O que eu notei é que anticoncepcionais tem efeito direto na saúde das unhas. Tomei um, durante 7 anos. Ou seja, quase toda a minha vida adulta, em que deixaria as unhas crescerem. Mesmo bem alimentada e com 1011 esmaltes pra fortalecer, as unhas continuavam descamando e quebrando. Nunca liguei ao AC. Até que a médica trocou, há 2 mees, e as unhas cresceram saudáveis, sem descamar e rachar ou lascar.

  • Angélica
    2 de Abril de 2012 at 8:45

    Post impecável!!!

    Parabéns, Dr.

    E parabéns, Dani.

    O trabalho de vcs é muito útil pra todos.
    Parabéns de novo!

    Bjs…

  • Fran
    2 de Abril de 2012 at 9:10

    Dani, você podia pedir pro Doutor UB falar sobre a saúde das cutículas …Eu tenho cutícula dupla, é um horror, uma é “normal”, grossa e bem na base da unha…A outra é extremamente fina, porém colada á superficie da unha, não solta de jeito nenhum, só colocando na água quente com amolecedor, empurrando e usando o alicate mesmo…E ela sobe até o meio das unhas!!!!! Queria parar de retirá-las, mas fica complicado porque essa mais fininha nunca melhora, nem com hidratação, e passar o esmalte por cima dela fica péssimo…
    Tenho imunidade baixa, já me disseram que talvez seja por isso que meu corpo desenvolver uma “proteção extra”…Será?

    • Jaqueline SIlva
      3 de Abril de 2012 at 9:53

      Oi Fran, não sei se o meu caso é o mesmo que o seu mas tb tinha essa pelinha mais fina que sempre crescia “ao infinito e além!” (Buzz Lightyear kkk).
      Segui os passos da Dani para hidratar as cutículas, mas teve que ser intensivão mesmo!
      Se me descuido um pouco, lá estão elas novamente.
      Sempre afasto as cutículas TODO dia após o banho e alterno entre o Miracuticle da Avon, o redutor de cutículas da Granado, mantenho a hidratação diária com a caneta da Dani e/ou a cera da Granado , e antes de dormir massageio bastante as unhas com uma generosa camada do Vasenol para mãos e unhas. Agora entrou para a lista tb o reparador noturno da Risqué Tecnology.
      Espero que vc ache um método para resolver o seu problema.

  • sandra
    2 de Abril de 2012 at 9:51

    Excelente a matéria! Valeu Dani!!! Mas eu gostaria de saber qual é o novo esmalte que a Giovanna Antonelli está usando na novela Aquele Beijo, ela mudou novamente a cor nesta nova fase da personagem. Obrigada!!!

  • Míriam
    2 de Abril de 2012 at 11:04

    Bom dia. Primeira vez comentando. Nossa, amei seu blog, tem de tudo. E esse post é o que eu estava procurando a séculos, pois sou técnica em enfermagem e não aguento mais minhas unhas enfraquecidas por causa do uso das luvas. Esse post caiu do céu. Você o o doutor Alex são verdadeiros anjos. Copiei todas as dicas e fiquei infinitamente grata.
    Thanks!

  • Priscilla Cardoso
    2 de Abril de 2012 at 11:52

    Nossa adorei. Eu que trabalho digitando o dia inteiro. Tocando em peças de computador, fios. Este post foi ótimo.

  • Gabi Droichi
    2 de Abril de 2012 at 12:36

    Adorei o post, muito muito útil. O mais legal são as receitas caseiras, adoro produtos naturais, e sempre sinto que são menos agressivos ao corpo do que produtos quimicos e tal. Inclusive, alguém sabe dizer onde comprar as ervas indicadas no post?

  • Hingrid
    2 de Abril de 2012 at 14:19

    Olá, vejo seu blog faz pouco tempo, to tentando ver as paginas seguintes, mas nao consigo, ta com algum probleminha.. ou sou eu ? rs

    • Daniele
      2 de Abril de 2012 at 15:02

      Tá tudo ok! É só ir clicando página por página…aparece algum erro? Bj

      • Anna Bia
        2 de Abril de 2012 at 18:09

        Achei que o problema era comigo, também nao consigo mudar a pagina. clico em cima do numero e nada. clico na seta e tb nada de mudar 🙁

        • Anna Bia
          2 de Abril de 2012 at 18:11

          esquece o que escrevi antes.
          voltei pra tentar novamente e vi que estava clicando nos numeros que vc colocou de exemplo kkkk hoje to lesada kkkk

          • Hingrid
            4 de Abril de 2012 at 16:08

            hehehehehe fomos duas, hihihihi nem tinha vista q era um exemplo ! mt dã eu ne ! huahauhaua…. se vc nao falasse nem ia perceber.rsrsrs

          • Débora
            30 de Abril de 2012 at 0:33

            Também não conseguia só depois que li o que vc falaou, eu tb estava apertando no exemplo kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

          • Maíra
            2 de junho de 2012 at 17:32

            @Anna Bia, Acho que eu sou a mais lesada do mundo todo pq nem assim consegui descobrir como se passa as páginas.

          • Claudia
            10 de junho de 2012 at 9:56

            Já tentei 2x e não encontro onde muda de pagina.

          • Daniele
            10 de junho de 2012 at 16:14

            Não tava funcionando mesmo, não sei porque! Já tirei a paginação, agora tá tudo em uma só!
            Bj

          • Claudia
            17 de junho de 2012 at 0:16

            Obrigada Dani!! Adorei o post! Beijos

  • Eva
    2 de Abril de 2012 at 15:45

    Ficou sensacional o post Dani…
    mto útil!

  • Cláudia Rocha
    2 de Abril de 2012 at 15:55

    Dani, você e o Dr. UB são mesmo um arraso!
    Amei a matéria todinha e achei muito bacana sua montagem, muito bem feita.
    Parabéns! Parabéns! Parabéns!!
    Beijinhos…

  • Josi Fraga
    3 de Abril de 2012 at 10:20

    Oi Dani,
    Eu queria muito essa caneta para cuticulas…. so que moro no canada…. Sera que tem como entregar aqui? Obrigadaaaa
    Josi

  • maria helena
    3 de Abril de 2012 at 18:39

    Parabéns pelo post, dicas maravilhosas, nunca havia lido tanta informação a respeito dos cuidados com as unhas.
    Quanto à massagem, tenho praticado bastante desde que parei de tirar as cutículas e achei que minha unha agora cresce mais rápido e mais forte. E nunca mais tive estrias, manchas branquinhas nem ondulações desde que abandonei o alicate. Muito obrigada, Dani!

  • Poliana
    4 de Abril de 2012 at 22:41

    Dani, como seria essa massagem? Pq o Dr. Alex fala em “Aplicação das técnicas de massagem para as unhas”. Tem como exemplificar?
    Bjooos!

  • Renata
    5 de Abril de 2012 at 10:51

    Nossa Dani!

    Imagine no meu caso: sou ng. Agrônoma, trabalho no campo, monto cerca, planto, colho………..minhas unhas estão sempre querando e fraquinhas…………mas sempre com esmalte!

    Bjos

  • Mylla
    6 de Abril de 2012 at 16:06

    Muito bom o post, Dani. Minha dúvida é a mesma da Bruna que disse que mexe muito com água. No meu caso, eu faço a unha e se mexer com água o esmalte já era. Tomei banho e pronto, já começa a descascar o esmalte. Fico doida porque o esmalte não dura nem um dia na minha unha. Você tem alguma dica? Já tentei diversos top coats e nada.

  • Adriana
    12 de Abril de 2012 at 10:22

    Adorei a matéria!
    Trabalho em biblioteca. Muito papel, sujeira acumulada nos livros pelo manuseio… acabam com as minhas mãos. Tenho que lavá-las a toda hora e hidratar.
    Colocarei várias dicas em prática.

  • Poliana
    12 de Abril de 2012 at 13:36

    @Daniele: Obrigada, flor!

  • Ana Andretta
    10 de Maio de 2012 at 17:30

    Poxa, eu trabalho na área da saúde, tenho que lavar minhas mãos com iodo praticamente todo dia e não posso encostar em nada após a lavagem… é uma tristeza, a unha mancha de amarelo, a mão fica ressecada e não há o que resolva :/

  • Claudia
    7 de junho de 2012 at 20:52

    Olá fiquei super curiosa para ler essa matéria mas não consigo mudar a página para ler tudo, já cliquei nos números e nada de mudar. =(
    Bjs

  • Livia
    14 de junho de 2012 at 9:05

    Parabéns pelo post. Vou testar as dicas agora mesmo!!!

  • Pâmela Falcão
    14 de junho de 2012 at 11:58

    Adoreeei o post.
    Só que queria pedir uma outra dica. Não sei se é só eu ou se mais alguém tem a mesma sensação, mas quando vou manusear alguma anilha de peso na academia parece que a minha unha vai ser arrancada! Hahahahaha. Sério, principalmente quando vou retirar do suporte pra colocar em algum aparelho, sinto que força as pontas se a minha unha tá grande, assim morro de medo de quebrar (e de fato, já quebraram). Help!!

  • Paula
    4 de julho de 2012 at 12:56

    O mais legal do seu blog são as montagens! Show!

    • Daniele
      5 de julho de 2012 at 20:24

      Ahhh que legal! Brigada!! 😀

  • vanila
    12 de agosto de 2013 at 12:15

    tenho uma dica legal pra fazer em casa ou no trabalho q gosto muito por usar luvas. coloco uma qtidade de açucar cristal na palma de uma mão, margarina ou óleo ou vaselina. faço uma esfoliação e é rapidinho. ótimo pra quem não tira cuticulas

  • maria ana santiago
    30 de agosto de 2013 at 19:14

    Eu tenho psoriase e gostaria de saber como tratar as minha unhas que descamam e quebram.